Um Método para Arquitetura da Informação: Fenomenologia como base para o desenvolvimento de arquiteturas da informação aplicadas

Título: Um Método para Arquitetura da Informação: Fenomenologia como base para o desenvolvimento de arquiteturas da informação aplicadas

Autor: Ismael de Moura Costa

Orientador: Prof. Dr. Mamede Lima-Marques

Curso: Mestrado em Ciência da Informação

Banca examinadora: Prof. Dr. Mamede Lima-Marques (Presidente – UnB/PPGCInf)

Prof. Dr. João Luiz Pereira Marciano (Examinador externo – Câmara dos Deputados)

Prof. Dr. Cláudio Gottschalg Duque (Examinador interno – UnB/PPGCInf)

Data da Defesa: 16/03/2010

Resumo: Os meios de desenvolvimento de Arquiteturas da Informação Organizacionais são atualmente voltados ao nível de abstração prático, empregados em sua maioria para o desenvolvimento de aplicações web. A partir da investigação fenomenológica de fundamentos epistemológicos, científicos e práticos, esta dissertação propõe um método baseado em quatro momentos: o Escutar, o Pensar, o Construir e o Habitar. A pesquisa analisa as ações pertinentes a cada momento deste método e como seus atos se ordenam para o desenvolvimento de arquiteturas da informação aplicadas, aqui consideradas como estados de uma configuração específica de espaços de informação.

Palavras-chave: Ciência da Informação, Arquitetura da Informação, Fenomenologia, Hermenêutica, Método, Espaço de Informação.

Publicado em Produção Científica Marcado com:

Deixe uma resposta